GRANDES ESTILISTAS QUE MARCARAM A MODA


NEM SÓ DE DESFILES E FIGURINOS GLAMOUROSOS VIVEM AQUELES QUE TRABALHAM COM MODA. 

Além da criatividade, é importante ter uma visão global, isto é, conhecimentos de sociologia, modelagem,desenho e história da moda. Pois como se sabe, o estilista de moda cria coleções de  roupas e acessórios, refletindo na influência sobre a maneira como as pessoas se vestem e criando tendências de mercado.

Renomados estilistas marcaram e marcam o mundo da moda até hoje. Para relembrar desses criadores, destacamos alguns nomes que infelizmente deixaram o agitado mundo da moda, mas que ainda marcam presença no guarda roupa de muitas it girls.

AZZEDINE ALAIA (1940-2017)

Estilista tunisiano que embora não desenhasse, sabia melhor que ninguém realçar o corpo feminino e era conhecido pelos seus vestidos que nunca saiam de moda. A forma como as suas peças moldavam o corpo das mulheres fazia com que fosse frequentemente comparado a um escultor, profissão que antes desejara.  Os seus vestidos foram usados por figuras públicas como as cantoras Lady Gaga e Rihanna, ou a antiga primeira-dama norte-americana Michelle Obama.

 

HERVE LEGER (1957-2017)

Além do minimalismo e do grunge style, os anos 1990 também foram marcados por um exército de supermodelos que desfilavam o vestido bandage, recriado por Herve Leger, voltou com tudo à moda há algumas temporadas no corpo de Kim Kardashian.

INSPIRAÇÃO DE ADILCE MOREIRA

A estilista Adilce Moreira em uma de suas criações se inspirou em Herver Leger para lançar vestidos de festa com toque de sofisticação e elegância.

YVES SANT LAURENT (1936-2008)

Aos 17 anos, deixou a casa dos pais para trabalhar com o estilista Christian Dior. Em 1966, apresentou o smoking feminino com uma blusa transparente e uma calça masculina, foi aí que revolucionou o comportamento e o papel da mulher.

SÔNIA RYKIEL (1930-2016)

Estilista francesa era conhecida como a rainha do tricô, pois suas peças eram de modelagem minimalista, quase sempre em jérsei, e casacos de pele em cores vibrantes, como rosa-choque ou azul royal. Também se tornaram um dos clássicos da marca suéteres listrados, em geral em vermelho, branco e preto. Em 1968, ela fundou sua própria marca.

GUILHERME GUIMARÃES (1941-2016)

Estilista brasileiro que depois de vencer um concurso organizado pela Varig para desenhar  uniformes das aeromoças, mudou-se para Nova York. Ele se rendeu ao pret-à-porter nos a anos 70, quando lançou uma linha de jeans, óculos e camisas masculinas. Quando regressou ao Brasil, estava consagrado na moda, com uma lista de clientes batendo à porta de seu ateliê.

Fonte: Público, Textile e Industry, O Globo, Ego.